Franchising – Empreender em Portugal

O Parque dos Dinossauros da Lourinhã, considerado “o maior do mundo”, vai abrir as suas portas ao público em fevereiro
21 Janeiro, 2018
CV Modelo Europass
22 Janeiro, 2018
Negócios
Franquias podem ser uma interessante opção de negócios em Portugal
Quais os tipos de franquias em Portugal com boa demanda?
. Cafés – Os portugueses tal como os brasileiros amam café e as cafetarias ou cafeterias como são chamadas no Brasil vão mais além, servem para um pit stop antes do trabalho, no intervalo, na saída etc. São lugares para relaxar e até fazer negócios. Muitos levam seus computadores e fazem da mesa da Esplanada seu escritório por alguns minutos e até horas. Um cafécafeteria ou cafetaria é um estabelecimento que partilha certas características com os bares. Como o nome indica, os cafés dedicam-se a servir café, chá e outras bebidas, bem como refeições ligeiras. Em termos de comida, as escolhas podem ir da pastelaria aos sandes ou sanduíches e aos pratos combinados. A degustação dos vários tipos de blends (combinações de tipos de café), bem como a experiência do barista.
De um ponto de vista cultural, os cafés desempenham um importante papel social, constituindo-se em locais de reunião e troca de ideias.

Comparativamente, no Brasil, as cafeterias são, muitas vezes, instaladas dentro de livrarias ou hipermercados. Cá em Portugal, os cafés aproximam-se bastante dos restaurantes.

 . Perfumarias – Franquias de beleza também são muito bem vistas e possuem um bom público em Portugal
. Joias
. Lavanderias self service
. De iogurtes e sorvetes
. Limpeza de casas/empresas
Investimento em franquias em Portugal
O valor do investimento varia à cada negócio, mas é possível encontrar franquias com valores que começam com até menos de €10 mil e podem chegar a mais de €200 mil, etc.
Fatores à observar:
. Remodelação –  Ao adquirir uma nova franchising ou um trespasse, vale considerar o investimento com a remodelação (reforma), que deva ser feito no imóvel próprio ou alugado onde funcionará o negócio.
. O tempo de retorno –  É variável de um à três anos.
. Colaboradores – A seleção, recrutamento e treinamento dos funcionários, são um factor delicado e é, portanto, importante saber como e onde buscar esses profissionais qualificados ou à qualificar. Um dos Setores com maior carência em Portugal é o Comercial (Profissionais especializados em Vendas).
Considerações antes de abrir uma franquia em Portugal.
Se você está pensando em investir em franquias em Portugal, é importante levar em consideração alguns aspectos e responder algumas perguntas:
– Você conhece o tipo de negócio que está pensando em abrir?
– Sabe fazer ou conhece alguém que possa fazer um Plano de Negócios?
– Tem elencado os pontos positivos e negativos em relação ao negócio?
– Qual o seu fôlego financeiro, caso as coisas não saiam como o esperado?
– A marca que você vai trabalhar é reconhecida?
– Qual o apoio que você vai receber da empresa franqueadora? (marketing, mobiliário, treinamento e etc);
. Conhece a legislação de maneira plena em caso de abrir um negócio específico?
– Tempo, você leva em consideração o tempo demandado para essa atividade? Imagina-se talvez, trabalhando nos dias que sua família e amigos estão de folga/férias?
Consideramos importante que as perguntas acima procurem ser respondidas, antes de você se arriscar a abrir um negócio, à fim de minimizar riscos.
Resumindo,  trazemos esse artigo:

Perguntas que devem ser feitas antes de investir numa franchising

Antes de investir num franchising deve fazer um estudo sobre o que você quer, o que tem, o que pode fazer, e observar cuidadosamente quais os benefícios que podem ser obtidos através desta nova oportunidade de negócio. A consultora BeFranquicia diz-lhe 5 perguntas que você deve fazer à si mesmo, antes de abrir  uma Franchising. http://www.befranquicia.com/

Nesta base, podemos começar com uma série de perguntas e dicas que ajudarão a esclarecer melhor as opções sobre o tipo de franchising que deve investir.

1. Estou absolutamente certo de que este tipo de franchising é o negócio que eu gosto, que eu tenho afinidade completa? Este é o meu projeto de vida?

Identificar-se com o negócio é essencial para iniciar um processo de seleção da melhor opção de investimento. Se você não está convencido do passo a tomar é melhor desistir e procurar outras alternativas com as quais você se sinta identificado, ou seja, pelas quais você acha que realmente vai fazer todos os esforços para crescer este negócio e no dia dia.

2. Tenho capacidade financeira suficiente para ter um tipo de negócio sob a fórmula da franchising?

Saber o quanto você pode investir é conclusivo quando tomar uma decisão como este fator, uma vez que é importante desde o início analisar a capacidade do seu nvestimento, ou seja, explorar várias opções de investimento que são definidas e ajustar a capacidade conveniente e máxima que você pode pagar, caso contrário, o investimento que pode executar pode ser não-reembolsável, pode custar muito dinheiro, pode implicar custos mais elevados, entre outros, noutra palavras, significaria a perda de dinheiro e perda de direção de seus objetivos iniciais.

3. Eu tenho conhecimento, experiência, capacidade e competências necessárias para assumir responsabilidades?

Escolha a melhor alternativa para oferecer uma oportunidade mais realista, isto é, um negócio com que conhece a sua gestão, que tem experiência, conhecimentos e competências para continuar com o negócio. Caso contrário, pode encontrar situações inesperadas nas quais as suas reações serão improvisadas, que pode levar ao colapso do seu franchising.

Também é necessário ter conhecimento básico em gestão de negócios, tendo trabalhado no passado como independente, vai ajudá-lo a levar para a frente o seu negócio.

4. Eu tenho conhecimento suficiente sobre a ajuda e apoio que me concede o franchisador, tanto inicialmente como ao longo do negócio?

Ter o aconselhamento, apoio e auditoria por parte do da Central de Franchising é uma variável essencial para determinar decisões sobre onde investir, porque ter conhecimento desses problemas é muito mais comum para modificar ou alterar um franchising.

Se estas superfícies não são desenvolvidas dentro do franchising, o mais provável é que existem falhas na operação do negócio.

5. Eu sei dados reais sobre a rentabilidade deste franchising?

Conhecer os ganhos potenciais a serem obtidos é uma informação básica para fazer uma boa decisão, deve ser cauteloso e minucioso na questão econômica e procurar justificativas por escrito sobre qualquer ganho ou perda dessa rede de franchising, caso contrário é melhor rejeitar essa opção.

Fonte: http://www.franchising.pt/

Cenário

Também achamos que seja de fundamental importância a compreensão da cultura local antes de realizar qualquer investimento

Portugal até “parece com o Brasil”, mas tem diferenças que observamos, por exemplo:
. Horário – Muitos portugueses fecham seus estabelecimentos na hora do almoço. À sério? Sim, fecham suas portas para almoçar, mas alguns tem o cuidado de colocar na porta o horário de funcionamento.
. Dinheiro – A relação dos portugueses com o dinheiro, onde um cêntimo no país europeu vale dinheiro e é levado a sério pelos portugueses,  já para os brasileiros as moedas não costumam valer tanto e nem fazer diferença. Aqui nunca, jamais ofereça uma balinha/doce quando  faltar-lhes troco, o troco deve ser exacto, devolva cada cêntimo!
. Paradinha para o café – É hábito parar para tomar um café e para alguns (muitos) um cigarro e conversar um bocadinho. Então, se você tiver um negócio, ofereça um espaço para essa “hora do café e do cinzeiro!”

O VPDICAS participou da edição da FEIRA DO EMPREENDEDOR E DO FRANCHISING – FEF 2017.

https://vimeo.com/209947702?outro=1&ref=fb-share
Temos algumas considerações à partir do que vimos em Lisboa:
Existe um grande interesse por empreendedores em Portugal, inclusive, o governo  oferece aos investidores estrangeiros dois tipos de Visto para empreendedores, como por exemplo:
. O Visto Gold (Abrir empresa em Portugal​ que crie pelo menos 10 empregos direitos com contrato. A parte boa é que nesse caso, não é exigido um valor mínimo, mas é preciso levar em consideração o quanto se gasta para manter a empresa e os funcionários.)
 . Visto D2, onde poderá abrir empresa à partir de um Capital Social menor, mais acessível e demais burocracias exigidas.
Para maiores detalhes de como solicitar o visto de empreendedor para Portugal, leia o artigo sobre o Visto D2 ou entre em contacto conosco:
vivendoportugaldicas@gmail.com
Existem sites especializados em franquias (Franchising), que nos dão uma boa visão holística sobre vários segmentos e oportunidades.
Fonte de pesquisa para esse artigo: http://www.franchising.pt/
A convite dos nossos parceiros migratórios, participamos da FEF 2017, à qual nos inspirou para falar sobre esse tema.
http://eimigrante.pt/pt
Foi percebido, na prática, uma enorme força de vontade dos órgãos competentes, onde a Câmara Municipal de Lisboa nos recebeu muito bem e nos enviou materiais de apoio e direcionamento, que estamos utilizando, para podermos repassar algumas das dicas para vocês por e-mail, e até mesmo por aqui.
Temos parceiros que podem lhes ajudar com o BP ( Plano de Negócios), Consultoria Migratória, Criação de Sites, Identidade Visual, Contabilidade, enfim, tudo para iniciar sua empresa em Portugal. Caso precise de ajuda, fale conosco: vivendoportugaldicas@gmail.com
vpdicas
vpdicas
Somos um equipa de profissionais luso brasileiros com o propósito de oferecer dicas, apoio e networking aos que desejam conhecer, viver empreender e investir em Portugal, especialmente no Centro do país.