SEF identificou 100 pessoas em estabelecimentos de diversão noturna do Centro

PS baixa para 6% IVA de publicações de jornais e revistas em suporte digital
17 Novembro, 2018
O MELHOR JEITO DE CONHECER PORTUGAL
17 Novembro, 2018

Disco / Mirror ball in club

Imigração

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) desencadeou, esta semana, uma operação na zona centro do País, no âmbito de investigações relacionadas com a prática de crimes de auxílio à imigração ilegal e lenocínio.

Foram efetuadas intervenções em oito estabelecimentos de diversão noturna, nas zonas de Espinho, Figueira da Foz, Pombal, Batalha, Viseu, Castelo Branco e Celorico da Beira.

No decorrer da operação, foi identificada mais de uma centena de cidadãos, 35 dos quais de nacionalidade estrangeira (30 mulheres e 5 homens). Foram detetados 11 cidadãos em situação documental irregular em território nacional, dos quais dois foram notificados para comparência no SEF, uma vez que reuniam condições para obter a regularização documental no país, um foi notificado da decisão de afastamento coercivo e cinco foram notificados para abandono voluntário do país.

Foram ainda detidos três cidadãos por permanência ilegal, os quais não haviam cumprido com notificação para abandono anterior, tendo sido presentes a tribunal para aplicação de medidas de coação.

Num dos locais, nas imediações de Espinho, foram realizadas buscas em dois dos estabelecimento inspecionados pelo SEF, tendo sido constituídos arguidos os exploradores dos espaços, cidadãos de nacionalidade portuguesa, por suspeitas da prática dos crime.

Fonte:

noticiasdecoimbra.pt

vpdicas
vpdicas
Somos um equipa de profissionais luso brasileiros com o propósito de oferecer dicas, apoio e networking aos que desejam conhecer, viver empreender e investir em Portugal, especialmente no Centro do país.