Círculo de Cura com Constelações Familiares

Metro de Lisboa – uma galeria de arte subterrânea
23 Março, 2018
Os Segredos do Marketing Digital
29 Março, 2018
Saúde/sociedade

A Constelação Familiar é uma prática terapêutica que olha
para as diversas consciências as quais somos tomados. Sabendo ou não, querendo ou não, gostando ou não, pertencemos à um grupo, a um sistema, a uma família,
funcionamos assim.

Por exemplo, que dinâmica existe entre um casal que se agride? O que está por traz dessa agressão? Numa Constelação, o terapeuta facilitador da Constelação Familiar entra no“Campo Mórfico” daquele casal e da história deles em conjunto com os representantes (pessoas que participam do grupo) e “facilita” o contato com “Revelações Divinas”, como o próprio Bert descreveu a constelação no “Trainning Camp” de 2012, na Alemanha.
Nosso corpo físico funciona num sistema, nossa sociedade,
a natureza, as empresas, o planeta, as estrelas. Fazemos parte de uma constelação, por isso, o alemão Bert Hellinger
chamou essa forma de interpretarmos essas relações de:

Constelação.

A Constelação Familiar é um método de diagnóstico, um
processo de reorganização e equilíbrio dentro dos sistemas
aos quais pertencemos.

O criador da Constelação Familia, Bert Helinger chegou a 3
princípios que entremeiam nossas relações: Pertencimento
, Ordem e Equilíbrio.

Pertencimento

Todos os membros de um sistema possuem o direito de per
tencer. E esta ligação não é algo que possa ser concedido o
u negado. Elas pertencem ao grupo independente de suas ações. Este vínculo transcende a moral e o merecimento. Ao menos duas consequências desse princípio são marcantes.

Exclusão
Se esquecemos, ou preferimos esquecer, aquele tio alcoólico, ou aquela avó internada num hospício, ou um parente criminoso, estamos “excluindo” aquela pessoa do sistema. Os vínculos familiares e sistêmicos atuam nos membros atuais, provocando uma compensação. Por exemplo, alguém poderá ter uma tendência – meio inexplicada, inconsciente – para beber uns traguinhos a mais.

Consciência
Como na torcida. A gente faz piadinhas maldosas sobre outros times, ficando tudo bem, pois estamos defendendo o time do coração e nossa consciência permanece “leve”. Não
vamos elogiar uma ótima jogada do adversário, não é o nosso sistema. Ficaríamos com a consciência “pesada”.

Outro exemplo é o que acontece com soldados em uma guerra. Moralmente e em outras situações como na mesa de um café, aqueles homens jamais atirariam uns contra os outros. No entanto, no contexto da guerra, matar e morrer por um país é o certo a se fazer.

Ordem

Esse princípio se refere à hierarquia. Quem faz parte do sist
ema há mais tempo tem precedência sobre os que chegam
depois. Nos primórdios, isso aumentava a probabilidade de
sobrevivência do grupo, já que os mais antigos eram mais
experientes e, portanto, mais fortes. Isso define a necessidade de respeito aos que vieram antes (pais, avós, bisavós, ascendência), chamados, por Bert, de “grandes”. Os que vieram depois (filhos, netos, descendência) são ditos “pequenos”.
Um filho pode ter estudado muito mais e, por exemplo, entender profundamente os movimentos de ações na Bolsa de Valores, enquanto seus pais nem imaginam do que se trata
. Os conselhos deles não teriam valores práticos. Contudo,
suas experiências devem ser respeitadas, não necessariam
ente seguidas. Bert entende que se trata da postura, de como devemos nos portar diante daqueles que vieram antes de nós.

Equilíbrio

Nos relacionamentos amorosos e nas amizades, todos cheg
aram juntos. Não existe precedência. Surge o princípio do equilíbrio. Sabe quando a gente ganha um bolo da vizinha?
Não dá para devolver a fôrma vazia. Sentimos a necessidade de retribuir a ação. Há até uma frase que anda muito em voga: “Gentileza gera gentileza.” Essas trocas atuam como uma ligação entre as pessoas. Aquele que recebeu algo passa a sentir necessidade de dar novamente – mesmo que em outra moeda – e assim as trocas continuam.

Isso vale também para trocas negativas, como as famosas vendettas italianas, em que uma família prejudica a outra e essa se vinga.
A consciência desse equilíbrio permite avaliarmos nossos relacionamentos, por exemplo, os de casal, e atuarmos para a
mpliar os vínculos positivos e reduzir os negativos.

Investimento

O valor é simbólico 10€ apenas para participação e divulgação. A Forma de pagamento: é em dinheiro à vista.

Como funciona?

Este evento funciona assim: todos os participantes pagam 10€. Todos que desejarem ser constelados, colocam seus nomes para serem sorteados.

Serão sorteadas três pessoas que serão consteladas. As outras pessoas participarão sendo representantes nas constelações se quiserem.

O evento será na na tarde no sábado dia 07/4.

Início:  14:00hs.

Dia: 07/04/2018

Local: Leirimédica em Leiria.

Rua de Santiago 24   2400-208 Leiria

* Será oferecido um lanche no coffee break.

Observando que normalmente uma constelação custa  100€ e neste evento as pessoas terão a oportunidade de serem consteladas por 10€.

vpdicas
vpdicas
Somos um equipa de profissionais luso brasileiros com o propósito de oferecer dicas, apoio e networking aos que desejam conhecer, viver empreender e investir em Portugal, especialmente no Centro do país.